Bando - Atlética EACH

Bando

O Bando surgiu em 2011, como um movimento de oposição à então gestão da Atlética da EACH. Após alguns meses, os integrantes do grupo passaram a se reconhecer realmente como torcedores, buscando novos integrantes para a entidade e indo nos jogos dos times da EACH para incentivar os atletas.

Com o passar do tempo, mais e mais alunos se juntaram ao grupo, que passou então a constituir os seus símbolos. Bandeiras e hinos foram produzidos e o então BOPE se consolidou como entidade EACHiana.

.

 

Em 2017, com a mudança de mentalidade dos membros, que alteraram as músicas machistas e homofóbicas, e como forma de consolidar a reestruturação da entidade para que seja de fato vista como uma torcida organizada, veio a necessidade de mudança de nome: de BOPE para Bando. Hoje, o Bando mostra seu apoio às modalidades EACHianas não somente no CaipirUSP, mas também nos campeonatos da capital, criando eventos e comparecendo aos jogos, sem parar de cantar um minuto